O desejo de retardar os sinais da idade de modo a manter a pele com aparência jovem, revitalizada e livre de rugas, leva homens e mulheres a recorrerem a procedimentos estéticos. Em especial, os não invasivos, como o preenchimento com ácido hialurônico e a aplicação de Botox.

Nos últimos 6 meses, a busca pela aplicação de toxina botulínica disparou. Principalmente de forma preventiva, como aponta pesquisa feita no Search Trends***. A análise aponta mulheres na faixa dos 25 aos 44 anos como principais interessadas pelo procedimento.

O que é Botox preventivo?

A aplicação preventiva de Botox tem por objetivo minimizar a formação de rugas e linhas de expressão oriundas da contração dos músculos no rosto. Ao contrário da aplicação tradicional de Botox que reduz as rugas já aparentes, no método preventivo o intuito é evitar a formação desses sulcos e/ou linhas de expressão ao longo dos  anos. 

Quando recorrer a aplicação preventiva de Botox?

Especialistas em estética facial informam que a busca se inicia a partir dos 25 anos de idade, quando a pele começa a apresentar os primeiros sinais. No entanto, uma avaliação personalizada é o mais recomendado. Assim, a toxina botulínica pode ser usada para as seguintes finalidades:

  • Amenizar e prevenir rugas
  • Equilibrar a simetria do rosto
  • Revitalizar a pele
  • Prolongar a jovialidade, sem deixar aspecto artificial

Mitos e verdades sobre a aplicação preventiva de Botox

Existe uma idade específica para aplicar Botox preventivo

Mito. O Botox pode ser aplicado em qualquer idade, portanto que seja recomendado pelo especialista após a avaliação, já que cada pessoa tem uma idade de aparecimento e incômodo com as rugas. 

O Botox preventivo minimiza as rugas e linhas de expressão

Verdade. A aplicação da toxina botulínica age de forma a harmonizar os traços faciais. Suas doses controladas e fracionadas vão ajudar a relaxar a musculatura e, consequentemente, reduzir  as rugas e linhas de expressão.

O Botox preventivo pode acabar com a dor de cabeça, o bruxismo e o suor em excesso nas axilas. 

Verdade. É cientificamente comprovado que o Botox reduz a sudorese, a dor de cabeça e o ranger de dentes, também conhecido como bruxismo. 

O procedimento pode causar algum tipo de deformação

Verdade. Quando não realizado pelo profissional especializado, bem como por uma clínica de confiança, a toxina botulínica pode ocasionar congelamento ou deformação no rosto, deixando um aspecto artificial. 

O organismo cria resistência à toxina botulínica

Mito. Pode ocorrer do músculo que recebe mais aplicações regulares estar menos suscetível às aplicações e não ter a eficácia que realmente precisa. Por isso, é importante realizar a aplicação antes do procedimento propriamente dito, assim como a avaliação de retorno. 

Aqui na Botocenter, contamos com um protocolo de aplicação especializado para garantir seu bem-estar e uma aplicação eficaz. Se interessou? Agende agora sua avaliação gratuita

***Pesquisa realizada no dia 17/02/2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *